Praias Armação e Matadeiro
22 de dezembro de 2019
Inflação baixa, juros menores e Selic em queda: a oportunidade da DÉCADA no mercado imobiliário chegou!
22 de dezembro de 2019

Campeche

Praia mais próxima do Centro da cidade, a região é muito desejada para morar por ter uma mescla de contato com a natureza e vida urbana movimentada.

A queridinha do Sul da Ilha virou sensação de todas as tribos na última década. Com movimento sempre intenso, a praia do Campeche se destaca por seus inúmeros encantos, qualidades e opções. 

Além do visual incrível (que reúne mar, dunas e restinga), o local é bem frequentado por quem gosta de esportes, de praia cheia e quer ter atividades para fazer o dia inteiro. O Campeche tem ainda outros dois pontos bem famosos. O Riozinho é um trecho mais preservado e muito frequentado por jovens. A Ilha do Campeche encanta com águas transparentes no melhor estilo Caribe – coisa de cinema!

Vizinha da Joaquina e do Morro das Pedras, o Campeche tem 5 km de cenários deslumbrantes, o que proporciona uma boa faixa de areia e é opção certa para os surfistas e banhistas de plantão. As dunas do Campeche abrigam uma área de 121 hectares e são tombadas como Patrimônio Natural e Paisagístico do Município. A área é um campo de dunas e vasta vegetação de restinga.

A praia

  • Extensão de areia:  5 km
  • Tipo de mar:  Mar grosso e agitado
  • Tipo de areia: Branca e fina

O que fazer: Praticar esportes variados, passear na Ilha do Campeche, conhecer o point do Riozinho, a Lomba do Sabão (se você surfa, precisa pegar ondas ali!) e as Lagoas da Chica e Pequena. 

Dica: A Trilha do Morro do Lampião é imperdível para você ter uma vista 360º do bairro. A Ilha do Campeche é a convidada especial para lindas fotos.

Curiosidades: Sabe o autor do livro O Pequeno Príncipe? Ele esteve no Campeche! O escritor francês Antoine de Saint-Exupéry era aviador e pousou no bairro na década de 1920. Dizem que fez amizade com os manezinhos e ficou encantado com a nossa ilha. As homenagens ao amigo estão por todo o bairro.

Ilha do Campeche

A definição de PARAÍSO está aqui! Com águas transparentes e cenário exuberante – no melhor estilo Caribe – a Ilha do Campeche é um dos destinos mais procurados no verão.

 A “ilha dentro da ilha” é perfeita para passar um dia inteiro curtindo sol e mar em um dos melhores picos da cidade. E o combo de atrações é ainda maior: a Ilha do Campeche guarda boa parte do patrimônio arqueológico da cidade e tem várias trilhas de diferentes níveis.

Para chegar até a ilha, você só consegue ir de barco e desembarca na praia da Enseada. Dá para partir do Campeche ou da Armação.

O mais próximo, cerca de 5 minutinhos, é partindo do Campeche. Se você está a fim de um passeio mais longo de barco, pode partir da Armação.

Formada por costões recobertos por muita Mata Atlântica, a ilha tem um rico ecossistema. A riqueza está também no seu contexto histórico, que tem 100 petróglifos distribuídos em 10 sítios arqueológicos, nove estações líticas, monumentos rochosos e sambaquis.

A praia

  • Extensão de areia: 400 m
  • Tipo de mar: Água cristalina e calma
  • Tipo de areia: Branca e fofa

Onde fica: Na frente da praia do Campeche, a 1,8 km em linha reta.

Curiosidades: É a única ilha do país tombada como Patrimônio Arqueológico e Paisagístico Nacional.

Dica: Escolha um dia ensolarado e com pouco vento para ter um visual ainda mais incrível. Dá pra fazer mergulho nos costões.

Trilhas: Várias! Tem a trilha da Caverna dos Morcegos, Letreiro, Pedra do Vigia, Pedra do Ímã, Pedra Fincada e Volta Norte. As trilhas são guiadas por monitores credenciados pelo Iphan. Prepare-se para conhecer os costões e sítios arqueológicos.

 

Felipe Coin Bacichette
Felipe Coin Bacichette
Felipe fornece as informações técnicas e mercadológicas para a produção de todo o conteúdo do Blog Santa Ilha. É administrador de empresas, especialista no mercado imobiliário e apaixonado pela arte de entender e atender as pessoas. Gaúcho de Caxias do Sul, foi lá que iniciou a vida de empreendedor e adquiriu experiência em grandes marcas do mercado imobiliário. Mora em Florianópolis-SC desde 2013, onde fundou a Santa Ilha Imóveis e encontrou o equilíbrio entre a realização profissional e a qualidade de vida. É casado e tem uma filha que já nasceu com os pés na areia ; )

Os comentários estão encerrados.